Seja um agente de mudança!

Problemas com ônibus? Ligue 156 (24h) e denuncie. É necessário linha, código do ônibus, horário e local.

Problemas com táxis? Ligue para o DTP 2692-3302, 2692-4094, 2291-5416, 2796-3299 (seg-sex 8h-17h) e denuncie. É necessário placa, horário e local.

Problemas com uma viatura da CET? Ligue 1188 (24h) e denuncie. É necessário placa, código do carro, horário e local.

Problemas com carros de empresa? Procure o “como estou dirigindo” ou, se não houver, anote o nome da empresa e a placa. Depois procure no Google e reclame. Isso faz uma diferença enorme no nosso trânsito.

Problemas com carros particulares? Não tem jeito, a única forma de tentar melhorar essa pessoa é conversando com ela. Como ela naturalmente vai parar no trânsito logo adiante, experimente uma abordagem simpática e educativa, explicando o que ele fez de errado ali atrás e dando motivos para não repetir isso. “Todos queremos uma cidade melhor” – taí uma ótima forma de se despedir e continuar o seu caminho.

Se envolveu em algum acidente com carro? Deve-se lembrar que o Código de Trânsito Brasileiro deixa explícito que a preferência é sempre do ciclista, e portanto o motorista sempre deve zelar pela sua segurança. E assim deve ser norteada a discussão do acidente caso tenha dado algum dano para um dos veículos. A primeira coisa a fzer em caso de acidente é ANOTAR A PLACA DO CARRO. Em seguida, não saia do local do acidente,  ligue para a Polícia Militar (190) e para a emergência do SAMU (192) ou Bombeiros (193). Assim você garante que a ocorrência seja registrada na hora, o motorista será direcionada à delegácia e você ao hospital (mesmo que seja uma unha quebrada!). Veja AQUI um relato completo para entender a importância deste procedimento.

Viu irregularidades na rua? (carros na calçada, sinalização ruim ou semáforos apagados, por exemplo) Ligue 1188 (24h) e avise.

No prédio do seu trabalho não tem bicicletário nem chuveiro? Busque um telefone ou e-mail de reclamação na administração do prédio e mande uma mensagem. Encaminhe e mobilize outros ciclistas para lhe ajudar na pressão. Busque também o Twitter (ou outras redes sociais) da administração do prédio para cobrar.

Voltar para Dicas

Receba as novidades

Fique por dentro de todas nossas novidades

Parceiros